• Espelho, espelho meu – há algum consumidor melhor que eu?

    Esta é estação da alegria, pelo que para animar a época, decidimos apresentar-lhe os surpreendentes tipos de consumidores europeus no Natal. Estão neste momento a dirigir-se para as lojas, mas que diferenças apresentam de país para país?

    Os dados históricos de tráfego da ShopperTrak, permitem-nos saber quando, onde e qual a extensão da atividade dos consumidores. Utilizando os dados recolhidos nos últimos quatro anos, comparámos diversos países europeus durante a época de vendas natalícia — a qual ocorre entre os finais de Novembro e o início de Janeiro — e encontrámos características muito diferentes entre os consumidores.

    António Organizado – Itália

    Procurando planear antecipadamente, os italianos como o António, preferem comprar os presentes de Natal com maior antecipação que os restantes consumidores europeus. Estimamos que este ano, a afluência no retalho italiano sofra um pico no ….

    Leia Mais
  • Como é que as compras online com recolha na loja estão a mudar os padrões de consumo no Natal?

    Que presente de Natal quererão os retalhistas? Um serviço de compras online com recolha na loja (Click & Collect) que responda eficientemente à procura e delicie os consumidores, é certamente uma boa aposta.

    Quase metade (42%) dos consumidores europeus usaram um serviço Click & Collect nos últimos 12 meses, de acordo com o JDA/Centiro Customer Pulse Report Europe 2017. E, nos últimos anos, a popularidade deste serviço influenciou diretamente os padrões de compras no Natal, uma vez que os consumidores cada vez mais confiam no grau de conveniência e de valor acrescentado que este disponibiliza.

    Mas, quando é que esta conveniência é mais valorizada? Quando é que os consumidores deixam de confiar nos prazos de entrega das lojas online e preferem ir levantar as encomendas nas lojas físicas?

    Os ….

    Leia Mais
  • O que podem esperar os retalhistas europeus da Black Friday 2017?

    Goste-se ou não, a Black Friday está a tornar-se numa data a reter no calendário do consumo europeu. Este ano, ocorre no dia 24 de Novembro e muitos retalhistas vão oferecer descontos generosos, procurando aumentar o tráfego de clientes, assegurar vendas e despertar o espírito de Natal.

    Prevê-se que em toda a Europa, este dia registe aumentos de tráfego substanciais, comparativamente às outras sextas-feiras de Novembro. Os dados revelam uma tendência para Espanha assinalar este dia com um aumento de +45% no tráfego de consumidores, enquanto que a Itália e a Alemanha podem registar subidas de +40% e +30%, respetivamente. À semelhança destes, o Reino Unido e a França podem verificar aumentos na ordem dos +20% e +8%, respetivamente. As deslocações antecipadas que se verificaram em anos anteriores no Reino Unido e França, podem ser menos significativas este ano, uma vez que a atividade promocional se vai estender por vários ….

    Leia Mais
  • Tendências do tráfego europeu no retalho durante o Halloween e Dia de Todos os Santos

    Abóboras, comida festiva e disfarces sazonais são excelentes indutores de tráfego de consumidores em muitos países europeus, todos os Outonos. Mas, este pico de tráfego no retalho, não se manifesta de forma igual em todos os países. Os dados históricos da ShopperTrak revelam quais os consumidores europeus que adoram o Halloween e quais preferem celebrar o Dia de Todos os Santos.

    Consumidores no Halloween — Alemanha e Reino Unido

    Tanto o Reino Unido como a Alemanha registaram aumentos significativos de tráfego nas lojas, no fim-de-semana que antecedeu o Halloween, bem acima de um fim-de-semana normal. O tráfego, nesse fim-de-semana, regista tipicamente uma subida de +1,5%, no Reino Unido e +5%, na Alemanha.

    Consumidores no Dia de Todos os Santos — França, Espanha e Itália

    À medida que o Halloween foi garantindo um excelente tráfego de consumidores nos anos mais recentes, ….

    Leia Mais
  • Estabelecer Novos Medidores de Desempenho para o Sucesso das Lojas Físicas

    O que é o itinerário típico dos consumidores? Tudo começa e termina na porta da loja ou é influenciado pela atividade online? Os clientes procuram o aconselhamento dos seus colaboradores ou são autónomos? Quantos consumidores descontam vales ou usam pontos de fidelização?

    Os retalhistas podem ter algumas respostas baseadas no seu instinto, mas a maioria não é capaz de identificar e analisar o comportamento dos consumidores e, por essa via, confirmar os seus palpites. O que realmente sabem, é que os consumidores atuais estão mais informados que nunca: podem fazer compras a qualquer momento, em qualquer lugar e não hesitam em trocar de marca se esta não satisfizer todas as suas expetativas.

    Mas, se a complexidade do comportamento do consumidor moderno é inegavelmente avançada, também o são as ferramentas de seguimento, compreensão e resposta às suas necessidades. Para os retalhistas se manterem à ….

    Leia Mais
  • Como podem os retalhistas compreender melhor o percurso do consumidor na loja?

    A intuição sobre o que os clientes realmente querem da sua loja, não deve continuar a determinar as suas decisões de negócios – em vez disso, a ciência deve ser a principal chave para o sucesso do retalho, nas próximas décadas.

    Sim, toda a tecnologia está disponível e baseia-se numa precisão de elevado nível que só as ferramentas de informação estratégica para o retalho podem fornecer. Os retalhistas estão prestes a poderem deliciar os seus clientes com experiências de consumo incríveis e a oferecer um serviço de topo aos clientes. O truque é converter dados em algo realmente importante – informação estratégica. Quando a tiver, saberá o que origina as conversões e o que não origina.

    Por exemplo, os retalhistas com visão de futuro, não só analisam as tendências de tráfego de consumidores e dados adicionais, a nível ….

    Leia Mais