Previsões de afluência aos Saldos de Verão 2019 na Europa

Artigo
Por ShopperTrak on 25-06-19

A época de Saldos de Verão, na Europa, traz consigo excelentes oportunidades para a população e para os turistas. É a época ideal para os consumidores mais conscientes, que valorizam os preços, explorarem as lojas à procura de roupa com descontos, acessórios e artigos para a casa que, de outra forma, estariam fora do alcance das suas carteiras.

Os retalhistas também adoram os saldos, pois as lojas por departamentos, boutiques, outlets e mesmo as lojas de bricolage, vendem os artigos da estação anterior, descendo os preços, gradualmente, ao longo do período de saldos. Conseguem com uma só ação, realizar mais vendas e atrair elevados níveis afluência.

Nesta época agitada do ano, as equipas de vendas precisam de manter as lojas arrumadas e os níveis de retenção estáveis, para assegurar que os clientes usufruem de excelentes experiências de consumo. Saber quando vão ocorrer os picos de afluência, ajuda a planear as escalas de trabalho e as operações de forma articulada com as expetativas de tráfego.

Qual será o impacto de tráfego durante os Saldos de Verão 2019?

Tráfego nos Saldos de Verão 2019 na Alemanha

Este ano, na Alemanha, as vendas vão arrancar na segunda-feira, dia 29 de julho. Neste país, as tendências de tráfego nos Saldos de Verão dependem da data quando começam estas 2 semanas de saldos. Os saldos começam na última segunda-feira de julho, por isso, quando esta ocorre mais cedo (como aconteceu em 2015 e 2016), o primeiro sábado de saldos, tende a ser o dia de maior tráfego. Quando a última segunda-feira de Julho ocorre mais tarde (como em 2017 e 2018), o segundo sábado do período de saldos tem sido o dia de maior tráfego.

  • Tendo por base as tendências anteriores, o dia 10 de agosto será, potencialmente, o dia de maior tráfego do período de saldos, em 2019.

Tráfego nos Saldos de Verão 2019 em Itália

Em Itália, os saldos de verão e de inverno, são por vezes precedidos por um período sem quaisquer descontos, mas quando os saldos arrancam, podem durar até 60 dias. As datas exatas de início e duração dos saldos são decididas pelos governos locais, por isso variam por todo o país.

Os nossos dados confirmam que o primeiro fim-de-semana completo de julho é sempre o mais movimentado do período de saldos italiano. Com base nas tendências anteriores, prevemos que o fim-de-semana de 6 e 7 de julho, venha a ser o mais concorrido deste ano. O histórico de dados de tráfego, demonstra que o período de alta se mantenha ao longo do mês seguinte, até ao dia da Assunção de Nossa Senhora, em 15 de agosto, após o qual, o tráfego decresce significativamente. Em 2018, no sábado do primeiro fim-de-semana de saldos, no mês de julho, o tráfego cresceu +9% acima da média e o domingo +5%. Mesmo assim, estes valores foram inferiores a 2017, em que ambos os dias registaram 11%, relativamente à média.

  • Os dias de maior afluência às lojas durante os Saldos de Verão, serão os dias 6 e 7 de julho.

Tráfego nos Saldos de Verão 2019 no Reino Unido

No Reino Unido, não há uma data certa para os retalhistas iniciarem os Saldos de Verão, o que significa que não há um padrão definido de afluência nesse período. No entanto, os nossos dados demonstram que a última semana de julho, tende a revelar um aumento de tráfego, assim que as aulas acabam. O tráfego começa a aumentar na penúltima sexta-feira do mês, com o fim-de-semana a registar um crescimento, relativamente à média, de acordo com os dados dos últimos quatro anos. No entanto, o tráfego ao fim-de-semana tem vindo a reduzir, relativamente à média.

  • Uma vez que a penúltima sexta-feira de julho ocorre mais cedo em 2019 (19 de julho), o dia 26 de julho, será provavelmente, o dia de maior tráfego nas lojas.

Tráfego nos Saldos de Verão 2019 em França

Em França, os Saldos de Verão começam na quarta-feira, dia 26 de junho e terminam na terça-feira, dia 6 de agosto. Os retalhistas esperam que as manifestações dos “coletes amarelos”, por essa altura, já tenham finalmente terminado. Olhando para os quatro anos anteriores, há um crescimento claro, logo a partir do início da época de saldos, com esse registo a estender-se, pelo menos, durante as duas semanas seguintes. Os primeiros quatro dias de saldos são, historicamente, os que agregam um maior nível de tráfego, relativamente à média. A quarta-feira (primeiro dia de saldos) cresceu uma média de +35,5% em 2015, 2016 e 2018 (em 2017 cresceu +55%). A quinta-feira cresceu +28% nos últimos quatro anos, a sexta-feira +21% e o sábado +14%.

  • Prevemos que em França, os dias 26, 27, 28 e 29 de junho, sejam os mais movimentados deste período de saldos.

Tráfego nos Saldos de Verão 2019 em Espanha

Em Espanha, no início de julho, há um claro aumento da afluência quando o período de saldos começa, com o tráfego do comparativo semanal, registado a 1 de julho, a crescer +54%, em média, nos últimos quatro anos. O maior crescimento, registou-se em 2018, quando o dia 1 de julho ocorreu a um domingo e o tráfego, registou um fantástico crescimento de +66%.

Analisando a média de tráfego, os maiores crescimentos da afluência verificam-se quando o dia 1 de julho não ocorre a um sábado. Em 2015, o tráfego cresceu +36% com o dia 1 de julho a ocorrer a uma quarta-feira, mas em 2017, esse dia ocorreu a um sábado e o crescimento foi de apenas +8,5%.

  • Em Espanha, os dias mais movimentados dos Saldos de Verão serão no fim-de-semana de 6 e 7 de Julho.

Tráfego nos Saldos de Verão 2019 em Portugal

Em Portugal, os Saldos de Verão arrancam no primeiro sábado de julho. Em 2018, foi um pouco diferente, uma vez que o dia 1 de julho ocorreu a um domingo e o tráfego só aumentou a partir deste dia. O aumento da frequência continua, mesmo durante o mês de agosto. Os nossos dados revelam que quanto mais cedo ocorre o primeiro sábado do mês, maior a probabilidade de crescimento do tráfego. Em 2015, o primeiro sábado ocorreu no dia 4 de julho e o tráfego decresceu -4%, relativamente à média. Já em 2016 e 2017, o tráfego cresceu +4% e +9%, respetivamente, porque o sábado ocorreu mais próximo do dia 1 de julho. Em 2018, a tendência foi semelhante, uma vez que o dia 1 de julho ocorreu a um domingo e o tráfego cresceu +10%, relativamente à média. Como o primeiro sábado só ocorreu no dia 7 de Julho, nesse dia o tráfego caiu -7%, relativamente à média.

  • Em 2019, o dia 1 de julho ocorre a uma segunda-feira, com o primeiro fim-de-semana a ocorrer nos dias 6 e 7 de julho. É provável que neste fim‑de‑semana o tráfego revele um crescimento acima da média.

Tráfego nos Saldos de Verão 2019 na Polónia

Na Polónia, o período de saldos ocorre no final de junho, com a última sexta-feira e o último sábado a registarem o maior crescimento de tráfego. A sexta-feira, normalmente, manifesta um crescimento de tráfego relativamente à média, que é tanto maior quanto mais perto do fim do mês ocorrer. Em 2015, a última sexta-feira ocorreu no dia 26 de junho e o tráfego cresceu +11%, mas em 2018, quando ocorreu no dia 22 de junho, o tráfego cresceu somente +5%. Em 2018, no domingo a seguir ao início dos saldos, as lojas estiveram encerradas pela primeira vez, devido à nova legislação. Apesar do início da época de saldos parecer inalterado devido à proibição da abertura das lojas ao domingo, em 2019 esse impacto será mais notório. Felizmente, em 2019, no último domingo de junho as lojas estarão abertas, mas nas três semanas seguintes estarão encerradas e isso terá, certamente, impacto nas vendas a retalho.

  • Na Polónia, o fim‑de‑semana de 28 e 29 de junho, será, provavelmente, o mais movimentado dos Saldos de Verão.

Tráfego nos Saldos de Verão 2019 na Irlanda

Na Irlanda, não há uma data exata para o arranque dos Saldos de Verão. Terças-feiras e sábados tendem a ser os dias mais movimentados. O tráfego começa a aumentar algures junto ao último fim‑de‑semana de julho, mas volta a cair no fim‑de‑semana seguinte, antes do feriado de agosto. A última quinta-feira do mês, nos últimos quatro anos, tem registado um crescimento de +9%, relativamente à média. As sextas-feiras têm registado um crescimento de +6%, em média. No comparativo semanal, não existem grandes alterações, com as quintas-feiras a registarem um crescimento de 1,5%, em média.

Este ano, é provável que os retalhistas irlandeses verifiquem um aumento da afluência a partir do dia 25 de Julho, registando-se o maior aumento de tráfego nas lojas nos dias 25, 26 e 27 de Julho.

Leia mais publicações de ShopperTrak